Que tema gostaria de ouvir mais nas nossas reuniões ?

sexta-feira, 8 de abril de 2011

A Humana Idade de Nonato

A bela letra e música que o palestrante Nonato Albuquerque nos brindou cantando ao final de sua palestra, ontem, chama-se "A HUMANA IDADE" e só agora soubemos que é de sua autoria. Ei-la, nos remetendo ao processo evolutivo que a Essência faz na re-ligação com a Fonte de Tudo O Que É:


Eu já fui pedra nesses caminhos do mundo 
fui verdes pastos, sombra e alimento a tantas bocas 
Tempos depois, eu fui um peixe 
nadando em muitas águas 
E quando o sol sumiu nos montes, 
amanheci um pássaro. 

E só então, depois de muitas eras 
Eu fui um índio, que conheceu a Natureza. 
Até que hoje, reencarnado, eu sou o bicho-homem. 

Agora eu sigo procurando 
a etapa do Universo 
em que essas vidas todas, tantas, 
vão se dar num anjo... 
Um anjo de luz. 

4 comentários:

  1. É para mim e decerto para os demais, gratificante ser aprendiz de um grupo de estudiosos, treinadores da ternura, caridade e amor. Mestres e aprendizes, humildes e acolhedores que, com suas palestras como a de Nonato e muitos outros nos ajudam nesta jornada.
    Para mim, Maria de Fátima,foi como um bálsamo ouvir Nonato. Eu por exemplo: já fui criança ávida de atenção e um dia,uma pessoa cética e mais ignorante. Parabénizo Nonato pela palestra e agradeço a Jânio por dividir conosco a música.
    Paz e Bem!

    ResponderExcluir
  2. Jânio, vc me deixa rubro(negro, já sou)

    ResponderExcluir
  3. Caro Nonato,
    E eu que pensava que vc fosse Fluminense....srsrsrss
    Abs,
    Janio

    ResponderExcluir